O que é a Lipoaspiração?

Como funciona e para quem é indicada a lipoaspiração

Quando falamos em cirurgia plástica a lipoaspiração é uma das mais conhecidas e comentadas. Afinal, é esse o procedimento que ajuda a remover o excesso de gordura em partes do corpo e ajuda a definir melhor o corpo, o que muitas mulheres e muitos homens desejam. Mas o que é preciso saber antes de fazer uma lipoaspiração (que também pode ser conhecida como lipoescultura)? É o que explicamos neste artigo para você!

Lipoaspiração

Lipoaspiração

Por que fazer uma cirurgia de lipoaspiração e para quem ela é indicada?

Quando desejam emagrecer, muitas pessoas recorrem a alimentação balanceada e a prática regular de exercícios físicos, o que é ótimo, afinal. Esses hábitos de vida saudáveis não só ajudam a emagrecer, como também garantem a boa saúde. Mas, mesmo assim, a gordura localizada pode persistir e ser difícil de desaparecer. E é, principalmente, nesses casos em que a lipoaspiração é indicada.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, o procedimento da lipoaspiração é indicado para:

  • Adultos com 30% do seu peso ideal, com pele firme e bom tônus muscular.
  • Pessoas saudáveis, sem doenças que envolvam risco de vida ou condições capazes de prejudicar a cicatrização pós-cirúrgica.
  • Pessoas que irão seguir corretamente as recomendações médicas e tenham expectativas realistas em relação à cirurgia.

Vale lembrar que o cirurgião plástico pode avaliar as condições pré-existentes de saúde do paciente e os fatores de risco da cirurgia. É possível. Por exemplo, que ele recomende outro tipo de tratamento para a gordura localizada, visando a saúde do paciente e alerte sobre os possíveis riscos.

Caso a sua escolha, e a do médico, seja a de fazer a lipoaspiração, alguns procedimentos antes da cirurgia devem ser adotados, como: fazer os exames laboratoriais necessários,. Tomar certos medicamentos indicados pelo profissional e ajustar os medicamentos atuais e parar de fumar, muitos dias antes da cirurgia.

Tipos de lipoaspiração

Antes de você fazer a lipoaspiração, vai se deparar com alguns tipos, que detalhamos a seguir:

Laser: a lipoaspiração à laser ainda é novidade no mundo da cirurgia plástica. Como o próprio nome diz, o procedimento faz com que um laser, colocado embaixo da pele, seja capaz de derreter a gordura localizada. Depois que essa gordura é derretida ela é, então, aspirada.

Ultrassom: neste caso, o próprio aparelho de ultrassom ajuda a derreter mais facilmente a gordura da barriga e costas.

Tumescente: é realizada com anestesia local e indicada quando o paciente quer remodelar seu corpo. Pode ser feita em diversas áreas como a barriga, ou regiões mais pequenas, como braços ou papada.

Passo a passo da cirurgia

Lipoaspiração

Com exceção dos casos de cirurgia à laser, que podem acabar se diferenciando, normalmente, as etapas do procedimento de lipoaspiração acontecem da seguinte maneira:

Aplicação de anestesia:  em muitos casos ocorre a anestesia local, mas é preciso que o médico avalie caso a caso para ver qual é o mais indicado, já que em alguns procedimentos pode ser também ministrada a anestesia geral.

Cortes: as incisões na cirurgia da lipoaspiração são bem pequenas e servem, principalmente, para inserir um tubo chamado de cânula. Esse é o tubo que vai soltar o excesso de gordura do organismo. Para isso, o cirurgião realiza o movimento de vaivém na região. A gordura que sai do corpo é aspirada e jogada para fora.

Pós-cirúrgico e resultados

Depois de receber alta da cirurgia, você terá a recomendação médica de usar alguns itens específicos como a chamada malha de compressão, que é como uma cinta e deve ser usada, em média, por até 6 semanas, além das bandagens elásticas. Esses dois elementos vão ajudar a controlar o inchaço natural após esse procedimento. O médico também pode inserir um pequeno dreno, com a finalidade de remover o excesso de líquido e sangue, proveniente da cirurgia.

Antes de sair do hospital, também pergunte ao seu médico sobre os cuidados especiais que devem ser tomados no período pós-operatório da lipoaspiração. Em alguns casos, como em pessoas que retiram mais de 5 litros de gordura, podem ser indicados procedimentos adicionais, para remoção do excesso de pele, por exemplo.

No período pós-cirúrgico também fique atento aos sintomas. Caso sinta alguma falta de ar, dores no peito, batimentos cardíacos acelerados. Procure imediatamente seu médico para que ele dê as instruções necessárias e verifique se a cirurgia fez algum mal à você. Os casos são raros, mas é sempre bom ficar atento.

Muitos cirurgiões consideram que 6 meses é o tempo que todo edema residual (inchaço) leva para desaparecer por completo e, consequentemente, para o resultado final da lipoaspiração aparecer. Mas é possível ver o resultado da cirurgia plástica de lipoaspiração gradualmente, antes desse período. É preciso também manter a prática de exercícios físicos (no momento em que forem liberados pelo médico) e alimentação saudável e equilibrada. Já que o ganho de peso adicional, pode prejudicar e modificar os resultados obtidos com essa cirurgia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui